DÚVIDAS FREQUENTES – GARANTIA

 

1- Minha bolsa manchou ao entrar em contato com peça de vestuário escura. É um defeito da bolsa?

Não, isso é chamado de transferência de cor e não é um defeito de fabricação da bolsa. Portanto, não é elegível para garantia e nesse caso, é preciso verificar o problema com o fabricante da peça de roupa que tenha transferido a pigmentação para a sua bolsa.

2- Meu produto em couro apresenta sinais de uso e considero que ocorreu em pouco tempo. Isso é um defeito da peça?

O couro é um material orgânico e sua conservação depende muito da forma de uso e armazenamento da peça. Por ser maleável e natural, o couro pode marcar dependendo da forma de utilização ou na qual é guardado, assim como pode riscar se sofrer atrito ou contato com superfícies ásperas. Isso não é um defeito de fabricação, e o tempo para que os sinais de usos apareçam depende da utilização de cada um.

3- Os cantos da minha bolsa rasparam enquanto eu a usava e o tingimento saiu nesse local. Isso é um defeito?

O couro exige alguns cuidados básicos na utilização, a fim de manter sua característica original por mais tempo. Se ele for submetido a atrito, isso pode fazer sair parte do tingimento - isso não é um defeito da peça porque houve a fricção no local. Nosso processo de tingimento faz com que a cor penetre em camadas mais profundas do couro, mas o atrito ou o uso de produtos não indicados podem ocasionar desbotamento.

4- As lojas Coach no Brasil vendem os produtos para manutenção do couro?

A Coach Brasil não comercializa produtos limpadores e hidratantes de couro. Porém, oferecemos em nossas lojas, sem custo, o serviço de limpeza e hidratação. Basta procurar um de nossos endereços. Há também diversas empresas locais que oferecem esse tipo de serviço/produtos, porém a Coach não indica ou se responsabiliza por produtos ou serviços prestados por terceiros.

5- Como funciona a garantia da marca?

Nossa garantia é para defeitos de fabricação de produtos adquiridos em nossas lojas próprias no Brasil, e-commerce e atacado. São considerados defeitos de fabricação problemas que não são decorrentes do uso. O produto danificado deve ser submetido à análise técnica para que se determine o problema e a causa.

Cadastre-se na nossa Newsletter: